Notícias

24.04.2013

Estudo: Terra passa por período mais quente dos últimos 1,4 mil anos

Mudanças climáticas provocam uma das maiores ondas de calor da história

Alimentado pela emissões de gases industriais, o clima da Terra esquentou mais entre 1971 e 2000 do que em qualquer outro intervalo de três décadas nos últimos 1,4 mil anos, apontam reconstruções regionais de temperaturas feitas em todos os continentes. Esse período de aquecimento global causado pelo homem - que continua até hoje - reverte uma tendência de resfriamento natural que durou várias centenas de anos, de acordo com um estudo publicado na revista científica Nature Geoscience por mais de 80 cientistas de 24 países que analisaram as mudanças climáticas a partir de diversas formações geológicas do planeta.

"Essa pesquisa nos mostra o que já sabíamos, mas de uma maneira melhor, mais compreensiva", afirmou o coautor Edward Cook, do Observatório Terrestre Lamont-Doherty, nos Estados Unidos, que coordenou a reconstrução do clima asiático.

Saiba mais:
Degelo na Antártida é 10 vezes mais rápido que há 600 anos
Desaceleração do aquecimento global intriga cientistas
Inverno rigoroso na Europa renova debate sobre aquecimento global
Cientistas alertam para derretimento da maior plataforma de gelo da Antártida
O estudo também revelou que a onda de calor e seca que atingiu a Europa em 2003, causando a morte de aproximadamente 70 mil pessoas, aconteceu durante o verão mais quente registrado no continente nos últimos 2 mil anos. "As temperaturas do verão foram intensas naquele ano e acompanhadas por uma escassez de chuvas e solo muito seco por grande parte da Europa", disse Jason Smerdon, coautor e um dos responsáveis pela reconstrução do clima europeu.

Essa é a mais recente pesquisa a mostrar que o período de aquecimento medieval - entre 950 e 1250 - pode não ter sido global, e pode não ter acontecido ao mesmo tempo em lugares que ficaram mais quentes. Enquanto partes da Europa e da América do Norte estavam bastante quentes nesse período, a América do Sul permaneceu relativamente gelada, apontam os cientistas.

Algumas pessoas argumentaram que o aquecimento natural que ocorreu durante a Idade Média está acontecendo novamente hoje, e que os humanos não são responsáveis pelo aquecimento global atual. Os cientistas, porém, são quase unânimes em discordar.
 

Fonte: Terra

Desenvolvido por
Ubis Ideias Digitais logo
Ideias digitais